Acesse nossa loja virtual ! e conheça nossos produtos! Compre de qualquer lugar do Brasil. Boas compras!

Pegadas no Cerrado: um incrível passeio off-road

pegadas no cerrado

Um dos circuitos turísticos mais interessantes para quem deseja um bom passeio off-road após a pandemia é Pegadas no Cerrado. Formador pelas cidades de Jataí, Mineiros, Santa Rita do Araguaia, Serranópolis, Chapadão do Céu, Rio Verde, Maurilândia, Turvelândia, Caiapônia, Piranhas, Paraúna e São Luiz de Montes Belos, Jussara e Portelândia em Goiás, a rota é excelente para quem curte a vida adventure.

O circuito oferece várias possibilidades em seu entorno; entre elas turismo de aventura, ecoturismo, tecnologia e cultura, além de 27 trilhas balizadas nas normas da ABNT NRB. Riquezas naturais e culturais, como sítios arqueológicos, piscinas naturais, águas termais são alguns dos atrativos para quem busca viver uma aventura 4×4. Completam esse cardápio variado hospedagem em charmosas e confortáveis pousadas e a tradicional culinária goiana.

Pegadas no Cerrado: cachoeiras

Em meio às doze cidades que compõem o circuito Pegadas no Cerrado, as cachoeiras são um destaque. Ao longo do percurso, mais de 100 quedas d’água encantam os turistas.

1) Cachoeira São Domingos

pegadas no cerradoTambém conhecida como Salto São Domingos, situa-se no município de Piranhas. São 96 metros de queda d’água, que pode ser acessada gratuitamente de carro. Sua trilha é relativamente íngreme e um pouco perigosa, mas nada impossível de se fazer. Pouco visitada, é uma boa pedida para quem ama uma boa aventura.

2) Cachoeira da Abóbora

pegadas no cerradoUm pouco menor, com 52 metros de altura, essa cachoeira é bastante volumosa e possui um poço muito profundo. Para chegar até ela, saindo de Caiapônia, deve-se pegar estrada de terra  mais uma caminhada de 30 minutos para se chegar ao local. Mas, como você vê, vale a pena.

3) Cachoeira da Samambaia

pegadas no cerradoPara quem procura uma bela queda aqui é possível encontrar uma cachoeira mais alta, essa é excelente. E seu poço para banho também é bem grande.

Situada na mesma trilha da cachoeira da Abóbora, ela pode ser acessada de carro.

Apesar do trecho mais longo, bastante calmaria, águas claras e transparentes são bastante convidativas. E para quem curte rapel, também dá para praticar no lugar.

Morro

Outra atração são as formações rochas, principalmente os morros. Aqui destacamos um mais conhecido: o morro do gigante.

Morro do Gigante Adormecido

morro do gigante adormecido pegadas no paraísoO gigante adormecido é uma metáfora muito usada para falar do Brasil; entretanto não se sabia onde ele estava deitado. Agora sabemos: no circuito Pegadas no Cerrado. E quem ama aventura sempre procura esse morro em Caiapônia.

O principal motivo para isso é a Gruta da Água Santa, que tem atraído visitantes religiosos que acreditam que a gruta é um lugar para reflexão e oração. Por sua vez, a Serra do Gigante Adormecido, paredão místico envolve a cidade e abriga formações rochosas esculpidas pela natureza, como o Rosto do Gigante Adormecido e os monumentos das Torres, da Freira e da Muralha.

Como você percebe, essa é uma linguagem que pode ser uma guardiã do off-road.